Santuário Nossa Senhora Conquistadora

Por volta de 1626, O Padre Roque Gonzáles, das Missões Jesuíticas atravessou o Rio Grande do Sul levando um quadro da Virgem Maria, batizando-a de Conquistadora, pois “conquistava e convertia os indígenas”. Foi a primeira imagem da santa, a entrar no estado. 

Nos dias de hoje a Nossa Senhora Conquistadora é padroeira do Rio Grande do Sul. O quadro original foi destruído por um cacique indígena em 1628. No Santuário há atualmente duas imagens, em quadro, uma reprodução da antiga obra e uma pintura da artista plástica Marly Meira.

O Santuário surgiu por obra do Padre Pedro Luís Bottari, em 1976. Em 2000 o templo foi transformado em Santuário Diocesano, recebendo nova imagem da Conquistadora, uma estátua de mogno.

 

Endereço: Rua Amélia Resende, 175

Terça a Sábado 8h30 – 11h30 / 14h30 – 17h30

Missa: domingo 10h
Telefone: (53) 3242-8786 / 99927-6393

E-mail: conquistadorabage@hotmail.com

Facebook: Santuário Nossa Senhora Conquistadora


Desenvolvido por Vitrine Brasil |