Coreto Municipal

No final do século XIX, no local onde se encontra atualmente o coreto municipal, foi construído um pequeno chalé de madeira para a população se deliciar com os saraus das salas de visita e de espetáculos musicais. Reuniam-se e descobriam as vicissitudes dos tempos noturnos, vividos pelas alamedas da praça.

No governo do Intendente Major José Octavio Gonçalves (1897-1905), com a inauguração da energia elétrica em 04 de julho de 1899, a praça e o coreto iluminaram-se, trazendo segurança para a população bajeense e possibilitando novos prazeres aos bajeenses.

Durante 28 anos, ao redor do antigo chalé de madeira, promoveram-se muitos festivais. Somente em 15 de novembro de 1927, em homenagem a Proclamação da República, inaugurou-se este elegante e majestoso Coreto. A partir de então, o Coreto Municipal serviu de palco para apresentação de bandas municipais e comícios políticos de todas as ordens. Entre eles destacam-se os pronunciamentos de alguns presidentes da República, como Jânio Quadros e Juscelino Kubistchek.

Na sua parte inferior, funcionou por algum tempo o “Bar e Café”, local de encontro de amigos que se reuniam para discutir política, futebol, acontecimentos pitorescos e cotidianos.

Atualmente no local funciona uma loja de artigos de artesanato típico da região.

 

Endereço: Praça Gaspar Silveira Martins s/n

Horário: segunda a sábado das 9h a 12h / 13h30 as 18h30

Telefone: 3241-0882


Desenvolvido por Vitrine Brasil |